Browsing Tag

Fotografia

Mesaniversário: 7º mês

Bebê | Criança By 4 de novembro de 2013 Tags: , , 9 Comments
7mes_montagemblog

Mesaniversário de sete meses

Biel completou sete meses de pura gostosura no dia 18 de outubro! Mais uma vez post mega atrasado porque passamos o dia do mesaniversário doentinhos… Biel pegou um rotavirus, depois emendou com sapinho e o segundo dente nascendo. Sim, segundo dente!!! Ou seja, neste último mês sofremos com o nascimento do primeiro dentinho. Biel teve febre uns quatro dias seguidos, sempre a noite e durante o dia nada. Febre com hora marcada. Pelo pediatra, o coitado do dente não tem poder de provocar febre, mas segundo minha mãe e vááárias outras pessoas provoca sim.

Neste último mês, Biel firmou ainda mais a coluninha, já não cai mais quando colocado sentado e começou a ensaiar uma dancinha quando escuta musica sentadinho. Por conta disso, passei a tomar banho com ele. Deixo ele sentadinho brincando na banheira enquanto tomo banho, depois dou o banho nele.

Ele já se arrasta para tudo quanto é lugar, vira e desvira num piscar de olhos para o meu desespero porque não posso deixá-lo sozinho. Ah, neste mês da criança ele ganhou de presente um mega tapetão fofo (foto acima), o que foi ótimo porque posso deixar ele lá sentadinho brincando, já que do chão não passa, né? heheheh

Meu pequeno anda super falante, interagindo! Mas por conta dos picos de crescimento/ salto de desenvolvimento e dente nascendo foi um mês de muitas acordadas de madrugada.

A introdução alimentar (IA) correu bem! Ele aceitou bem os alimentos. Prefere as papinhas de fruta do que as papinhas salgadas, não curte muito suco e gosta de água de côco. Água também ainda é difícil dele aceitar. Na creche toma suco de manhã, almoça, lancha e o jantar é o meu leite materno (por enquanto) e em casa livre demanda de LM.

Ah, uma coisa que mudou com a IA foi a consistência do cocô dele, né? agora já é cocô de adulto! hahah Eu fico impressionada como cabe tanta coisa dentro de um bebê! Jesus! hahaha

Não tenho conseguido postar tanto quanto eu gostaria, a rotina casa-trabalho tem me consumido, acho que depois que ele começar a jantar na creche vai me ajudar bastante nesse processo, pois vou parar de tirar leite no trabalho (e serão menos coisas para esterilizar). Vou começar agora no sétimo mês.

Para finalizar, vamos aos dados da consulta! Ele ainda não ultrapassou os 8kg. A consulta aconteceu em 17/10 e neste mês Biel cresceu 2 cm e engordou 135g – é válido lembrar que ele já estava doentinho, com rotavirus, logo já não estava aceitando as comidinhas – Biel está pesando 7,805kg e está com 67cm.

Share:

Mesaniversário: 6º mês

Amamentação, Bebê | Criança By 29 de setembro de 2013 Tags: , , 7 Comments
montagem6mesBLOGMAISJU

Sexto mesaniversário

Este mês foi marcado por grandes mudanças! Nossa primeira grande separação: a creche para ele e trabalho para mim.

Nas semanas anteriores a minha volta foram de intensa programação social…. cinematerna, piqueniques, passeio na orla, shopping e por aí vai. Teve dias da adaptação que não levei ele para creche porque queria ficar curtindo o dia agarradinha com ele.

Teve a primeira gripe com direito a febre, nariz muito entupido, antibiótico… Caos total! Tirando essa doencinha chata… Consegui terminar o aleitamento materno exclusivo até os seis meses de vida como eu tinha me proposto desde o início. Todo dia tiro meia-hora no trabalho para ordenhar o leite.

Papai leva ele na creche de manhã e eu pego depois do trabalho. Aos poucos estamos nos adaptando a nova rotina. Acredito que por conta disso, esse mês ele acordou bastante a noite para mamar, às vezes demorava a voltar a dormir, queria ficar no colo e às vezes para brincar.

A grande descoberta este mês foi aprender a sentar sozinho! Ele já fica bastante tempo sem encostar as costinhas ou sem cair. Agora para andar de carrinho, o assento tem que estar totalmente na vertical, ele vai olhando pela sua janelinha. Delícia, delicia!

Ainda não temos dentes, mas ele anda com uma aflição grande na gengiva! E começou a babar loucamente! Tenho que mandar babador para creche para a roupinha não ficar molhada.

Este mês Biel cresceu um pouquinho só, mas recuperou o peso perdido durante a gripe e ainda ganhou mais trezentos gramas! A consulta aconteceu em 19/9 e neste mês Biel cresceu 0,5 cm e engordou 310g. Biel está pesando 7,670kg e 65cm.

Share:

Adaptação na creche – parte 1

Bebê | Criança By 27 de agosto de 2013 Tags: , 9 Comments

Segunda retrasada (19/8) Biel começou a adaptação na creche. No primeiro dia ficou uma horinha apenas e eu fiquei junto. Na verdade, foi mais uma conversa com a “tia” responsável do berçário I sobre como são os cuidados com o Biel, como é a rotina dele, como eu gosto que as coisas sejam feitas e por aí em diante. Neste dia, Rodrigo me acompanhou para dar suporte emocional e participar deste momento importante da vida do filho.

adaptaçao_sem1PM

Combinamos que Biel ficaria um pouco a mais cada dia (ex. terça duas horas, quarta três horas) e que nesta primeira semana eu iria amamentá-lo todas as vezes que fosse necessário. Acabou que optei por deixá-lo no máximo três horas por dia nesta primeira semana. Afinal, sei que é importante ele começar a acostumar com o ambiente, com as tias e com a presença de outras crianças, mas eu também queria aproveitar o meu restinho de licença maternidade ao lado dele.

No final da primeira semana, a tia veio me dizer que Biel é um bebê muito tranquilo e que já estava adaptado e escreveu esse recadinho na agenda. adaptaçao_sem1

É uma alegria, né? afinal, já que não tem escolha, tenho que voltar a trabalhar, que seja o menos sofrido possível para ele.

Nesta primeira semana ele voltou a acordar mais vezes durante a noite para mamar e ficar no seio/ colo. Compreensível, já que ele nunca ficou num lugar diferente, ainda mais sem a minha presença. O máximo que me ausentei foi por uma hora (ex. ir ao supermercado) e mesmo assim ele estava dentro da casa dele e com uma pessoa conhecida (minha irmã ou o pai).

E eu no meio disso tudo?
Estou sofrendo calada. Na segunda (19/8), marido me acompanhou, me deu força. Eu não conseguia falar muito sobre o assunto, não queria falar na frente do Biel, porque corria o risco de eu começar a chorar e não parar mais. E como eu sei que eu e ele (Biel) ainda somos muito conectados, queria passar calma e segurança para ele.

Voltei a ler o livro da Laura Gutman e lá ela diz que tem explicar tudo para o baby, como se ele entendesse tudo – e de fato eu acho que entende, ta? desde suas primeiras horas de vida e eu converso com o Biel de igual para igual. Parei de ter medo de falar sobre o assunto creche na frente do Biel e pelo contrário, comecei a explicar todo dia manhã como seria o dia dele e sempre falando que eu estarei disponível se ele precisar de mim.

Eu sei que foi A minha escolha, que eu escolhi colocar na creche. Continuo preferindo creche a babá. Lá ele estará acompanhado por pedagogas, receberá estímulos adequados para a idade dele, sem contar que terá o contato com outras crianças da mesma idade o que eu acho super positivo. Esse é o meu lado racional. O meu lado emocional sofre, chora por ter que deixar meu filho na creche por tanto tempo.

Marido vai deixá-lo por volta de sete e meia da manhã e eu vou pegá-lo por volta de cinco, cinco e meia da tarde. No último domingo (25/8) fui dormir chorando, parece que caiu a ficha de que a minha licença maternidade estava de fato acabando e que neste horário semana que vem estarei de volta a realidade.

Tanto que ontem não levei ele para creche, passei o dia inteiro agarrada com ele. Rodrigo tenta me dar apoio, me consolar falando que eu fui e sou uma mãe maravilhosa, que eu superei todas as expectativas que ele poderia ter, que ele terá orgulho de ter uma mãe como eu, para eu pensar na qualidade de tempo que eu terei com o Biel depois do meu trabalho (Laura também fala sobre a qualidade e não sobre quantidade) e por aí vai…

… Aí gente… só de escrever meu olho enche de água, minha garganta dá um nó….

Mas eu penso, que qualidade será essa? se provavelmente estarei cansada do trabalho e ainda terei muito o que fazer como por ex. supermercado e comidinha fresquinha para ele, dar banho, dar comida, lavar roupa, tirar leite, preparar mochila do dia seguinte…

Share:

Mesániversário: 5º mês

Amamentação, Bebê | Criança By 19 de agosto de 2013 Tags: , , 4 Comments
5mes_montagem_blog

Quinto esániversário

O tal pico de desenvolvimento/ salto de desenvolvimento continuou por aqui neste último mês… foram noites difíceis para esta mãe que vos fala. Biel acordava de hora em hora ou a cada duas horas principalmente para mamar. Outras vezes ele queria colo, atenção e outras vezes ele acordava para brincar durante a noite. Brincar significa ficar virando e desvirando. Por conta dessa fase, eu estava ficando muito muito cansada, para facilitar coloquei ele para dormir na minha cama. Delícia total ter ele dormindo na minha cama. Semana passada ele voltou a dormir melhor, coloquei ele de novo no berço.

Uma coisa que me fascina é como do dia para a noite eles aprendem/ desenvolvem coisas novas! Biel que pegava o pé, agora passa boa parte do dia com o pé na boca! Fofo demais! Antes eu tentava colocar ele em pezinho, mas ele não aguentava ficar nem 1 segundo com a perna firme. De umas três semanas para cá ele faz força para ficar em pé e fica váááários minutos! Delícia, delícia!

Quando ele fica empolgado mexe loucamente as perninhas, como se estivesse batendo perna… Como ele ama tomar banho, imagina a festa! hahaha fica tudo molhado!

Este mês marido ficou de férias e foi uma delícia, passeamos bastante juntos! Inclusive viajamos para Gramado, depois vou fazer um post com as minhas impressões sobre viajar com babies!

Biel começa a adaptação na creche dia 19/8 e eu já comecei a estocar LM para enviar. Na última sexta eu estava aqui em casa bem tristinha. Com uma lista enorme de coisas para fazer, mas eu simplesmente não conseguia sair da cama. Minha irmã chegou aqui e me colocou para sacudir a poeira. Racionalmente eu sei que foi a minha escolha, que será bom para ele, mas a separação dói e é impossível ficar indiferente a isso…

Por conta da adaptação, marquei a consulta deste mês com o pediatra um pouquinho antes. Queria dar as vacinas do mês antes dele começar na creche. Gosto muito do pediatra, ele super incentiva a amamentação exclusiva até os seis meses, em nenhum momento ele disse que não vou conseguir, pelo contrário… E disse que vai ser importante Biel estar com o meu leite nesse início porque é uma forma dele se manter imunizado, ganhar anti-corpos. Disse que na próxima consulta (seis meses) ele vai passar as indicações das papinhas. Acho fofo porque ele diz que a primeira papinha quem tem que dar é a mãe. 

Este mês Biel ganhou menos peso, mas ainda está super na média e cheio de dobrinhas! Minhas costas agradecem rss  A consulta aconteceu em 15/8 e neste mês Biel cresceu 1,5 cm e engordou cerca de 320g. Biel está pesando 7,360kg e 64,5cm.

Share:

mamadeira

Amamentação, Bebê | Criança By 15 de agosto de 2013 Tags: , 17 Comments

Dizem que maternidade é o eterno cuspe para o alto, né? então, fui fazer o enxoval fora e não comprei uma única mamadeira para contar história. Na minha cabeça não seria necessário, eu achava que algo iria mudar, que minha licença viraria de seis meses e que eu conseguiria terminar com tranquilidade os seis meses de aleitamento exclusivo.

Mas isso não aconteceu… minha empresa não aderiu aos Programa Empresa Cidadã e com cinco meses e quinze dias estarei de volta ao trabalho. Comecei a pesquisar, conversar com outras mães e resolvi dar um espaço para mamadeira em minha vida.

Depois de conversar muito com uma amiga resolvi comprar a mamadeira Calma da Medela porque:
– essa mamadeira possui um sistema de vácuo que se assemelha com o seio da mãe, não facilitando a saída do líquido como acontece com as outras mamadeiras que acaba promovendo o desinteresse do baby pelo seio.
– por se assemelhar ao seio, ajuda o baby a manter a pega que aprenderam

calmaMEDELA

Mamadeira Calma da Medela

Não achei para vender essa mamadeira aqui no Brasil e por sorte tinha outra amiga vindo para cá, ela trouxe para mim. Meu pediatra (ou melhor, do meu filho rs) não falou para fazer testes, para deixar ele experimentar na creche. Mas eu fiquei encucada e resolvi colocá-lo para experimentar.

Esta segunda minha irmã ficou com o Biel para resolver umas pendências na rua por três horas e deixei com ela 150ml do meu leite nesta mamadeira. Logo de primeira ele colocou na boca, mamou, se lambuzou e rejeitou. De tempos em tempos ela foi oferecendo. Em três horas, dos 150ml ele mamou 90ml. Se for perceber a cara dele não é das melhores, mas ele mamou! Meu pediatra falou que fome ele não vai passar, que acabará mamando. Quando eu cheguei ele tava meio choroso, com soninho, mamou bastante no meu seio e dormiu.

mamadeira150ml

Biel tomando meu leite materno pela primeira vez na mamadeira

Outra amiga também expert em aleitamento me deu algumas dicas:
– nunca ser eu a pessoa que vai oferecer a mamadeira,
– falou para eu não dar mais mamadeira em casa, para ele associar casa ao meu peito

Como falei no outro post entrei num grupo do face sobre amamentação, lá elas condenam totalmente a madeira com bico de silicone ou flexível. Segundo o que vi por lá as alternativas são mamadeira de colher, copo de treinamento ou transição ou copinho.

Continuo com dúvidas, com medo… não quero causar o desmame. Vou seguir essas dicas e a usar essa mamadeira, se eu sentir que ele está perdendo o interesse tento outros métodos… mas se alguém tiver mais dicas, por favor, compartilhe!

Share:

Semana Mundial do Aleitamento Materno

Amamentação, Bebê | Criança, Mãe By 2 de agosto de 2013 Tags: , , 9 Comments
Leite materno exclusivo até os seis meses de vida

Semana mundial de aleitamento materno

Estamos na ‪#‎SMAM2013‬, a Semana Mundial de Aleitamento Materno e como eu acredito e MUITO nesta causa não poderia deixar passar em branco aqui no blog. E para comemorar, registrar, vou compartilhar com vocês a minha experiência de amamentação. 

Mais do que alimento, nesses quatro meses de vida descobri que amamentar é mais do que isso. Amamentar é conforto, é amor, aconchego. Por isso, sempre que Biel me procura estou disponível para ele, de corpo e alma.

Durante a gravidez eu tive dois grandes medos: cair numa cesárea e não conseguir amamentar. Cesárea porque com a realidade que temos hoje de obstetras no Brasil, eu tinha medo de ser enganada e receber um falso diagnóstico de cesárea ou ainda não ter dilatação, meu corpo travar, etc. E amamentar… sei lá vai que meu corpo não produz leite, vai que minha mente e meu emocional me travam, vai que eu não gosto da sensação, …

Biel nasceu e passou a primeira hora de vida mamando em meu seio esquerdo para ajudar a minha placenta a sair e daí não parou mais. Ele nasceu numa segunda e na quinta o meu leite desceu de fato, antes ele estava sendo alimentado pelo meu colostro.

Não vou dizer que foi fácil. Durante o nosso aprendizado (meu e dele) neste novo ofício, meu seio esquerdo ficou bem machucado e ficou assim por um mês. Não chegou a sangrar, mais ficou ferido e depois que a ferida cicatrizou passou mais um mês sensível. Para amamentar neste seio eu tinha que me concentrar, não conseguia conversar por exemplo. O direito ficou menos ferido e logo logo ficou bom para a guerra.

Neste tempo recorri ao Instituto Fernandes Figueira para acertar a pega e foi fundamental. Peguei sol alguns minutinhos por dia no seio (sol cicatriza). Na minha cozinha bate sol alguns minutinhos toda manhã, eu aproveitava para tomar café e pegar o solzinho. Quando não tinha sol, eu pegava o secador de cabelo e secava bem o seio depois das mamadas. Guardar o seio úmido ajuda a deixar a pele sensível. Ah, depois das mamadas eu também “espirrava” um pouco de leite e passava no mamilo e auréola, o leite materno (LM) tem propriedades cicatrizantes também. Outra coisa que fazia e que me ajudou muito foi ficar com os seios expostos em casa para “arejar”. Nos primeiros dois meses, eu não recebi visita de pessoas de fora da família (somente pais, irmãos e sogros), então passava muito tempo só com o Biel em casa ou só com o Rodrigo, o que facilitou o índia feelings.

Tentei usar aquela pomada lansinoh que comprei na viagem, mas comigo não adiantou muito. Tanto que usei algumas vezes e nunca mais toquei. Estou com vários tubos da pomada fechados aqui em casa. Durante esse tempo que passei com o seio machucado recebi diversas dicas, mas como não utilizei não vou compartilhar porque não sei se elas funcionam. Prefiro compartilhar só o que utilizei.

Meus planos para o aleitamento:
– Amamentar exclusivamente até os seis meses. Biel entra na creche com cinco meses, vou tirar leite e enviar para creche,
– Se possível, mesmo depois que introduzir a alimentação, quero continuar a livre demanda até um ano de idade,
– E se possível ir até ele completar um ano e meio e começar o desmame de forma natural.

Para terminar o post em homenagem a Semana Mundial do Aleitamento Materno, compartilho um texto que aponta os benefícios da amamentação para o baby e para mãe.

Benefícios do Aleitamento Materno (retirado do Portal da Saúde do Governo)
O leite materno é um alimento completo. Isso significa que, até os 6 meses, o bebê não precisa de nenhum outro alimento (chá, suco, água ou outro leite). Depois dos 6 meses, a amamentação deve ser complementada com outros alimentos. 

É bom que o bebê continue sendo amamentado até 2 anos ou mais. Quanto mais tempo o bebê mamar no peito, melhor para ele e para a mãe.

Benefícios para o bebê 
– O leite materno tem tudo o que o bebê precisa até os 6 meses, inclusive água, e é de mais fácil digestão do que qualquer outro leite, porque foi feito para ele.
– Funciona como uma verdadeira vacina, protegendo a criança de muitas doenças.
– Além disso, é limpo, está sempre pronto e quentinho.
– A amamentação favorece um contato mais íntimo entre a mãe e o bebê.
– Sugar o peito é um excelente exercício para o desenvolvimento da face da criança, ajuda a ter dentes bonitos, a desenvolver a fala e a ter uma boa respiração.

 Benefícios para a mãe
– Reduz o peso mais rapidamente após o parto.
– Ajuda o útero a recuperar seu tamanho normal, diminuindo o risco de hemorragia de anemia após o parto.
– Reduz o risco de diabetes.
– Reduz o risco de câncer de mama e de ovário.

Share:

Mesaniversário: 4º mês

Bebê | Criança By 18 de julho de 2013 Tags: , , 4 Comments
montagem4mes_MAISJU

Mesaniversário de quatro meses da minha delícia

Antes o Biel só virava quando colocado de bruços, agora ele vira o tempo todo. Se está de barriga para cima, vira e fica de bruços. Se está de bruços, vira e fica de lado ou barriga para cima! hehehe

Biel antes só levava a mão na boca, agora ele leva não só a mão na boca mas também alguns objetos. Exemplo dou um brinquedinho não mão dele, ele já tem coordenação para levar a boca. Também consegue pegar objetos que eu coloco em cima da barriguinha e leva a boca – fofo! Percebi que em alguns momentos ele tem muita aflição com a gengiva e tem horas que ele só acalma quando coloco algo na boca dele.

Ele já pega o pé também!! E descobriu o meu rosto! Quando estamos brincando ele já coloca sua mãozinha conscientemente no meu rosto e fica mexendo! Um carinho inconsciente que me faz morrer de amores. No outro dia ele estava mamando, parou, me olhou e esticou seu bracinho na direção do meu rosto e mexeu a mãozinha de forma descoordenada ♥

Há duas semanas eu postei sobre a primeira “birra” do Biel. Além disso, o padrão de sono do Biel mudou na última semana. Antes ele acordava uma vez por noite, ou no máximo duas vezes por noite, agora ele acorda três vezes, e uma vez chegou a quatro vezes. Conversando com uma amiga, ela me indicou um texto bem interessante sobre fases de crescimento/ desenvolvimento do bebê. Super me identifiquei com o texto!

12 semanas (quase 3 meses): o bebê descobre mais nuances da vida: nessa idade o bebê já pode enxergar todo um cômodo da casa, vira-se quando ouve sons altos, e consegue juntar suas mãos. Vai observar e mexer no rosto e cabelo dos pais e vai perceber que pode gritar. Depois do salto o bebê praticamente não vai mais precisar de apoio para manter a cabeça erguida. Como nos outros saltos, os pais são o porto seguro do mundo do bebê e ele se apoia nisso. Ele pode começar a reagir de maneira diferente fora de casa ou no colo de um estranho. Ao mesmo tempo que o bebê tem uma grande curiosidade em reparar no mundo que o rodeia, ele também é muito sensível às novidades e por isso se sente mais confortável e seguro nos braços dos pais.
19 semanas (4 meses e meio): por volta da 14ª. até a 17ª. semanas o bebê pode parecer mais ‘impaciente’. Esse é um dos saltos mais longos: dura cerca de 4 semanas, podendo porém se estender por até 6 semanas. O bebê chora mais, apresenta mudanças extremas de temperamento e quer mais atenção e colo. Consegue alcançar e pegar um brinquedo, sacudi-lo e colocá-lo na boca, passá-lo de uma mão para outra. Pode ganhar o primeiro dente. Os sons que o bebê emite se tornam mais nítidos e complexos, consegue fazer alguns sons como ‘baba’, ‘dada’. Tudo cheira, soa e tem gosto diferente agora. Dorme menos. Estranha as pessoas e busca maior contato corporal quando está sendo amamentado. Depois desse salto o bebê vai poder virar de costas e de barriga para baixo, e vice-versa, se arrastar pra frente ou pra trás, olhar atentamente para imagens num livro; reagir ao ver seu reflexo no espelho e reconhecer seu próprio nome.
Esse é um dos saltos de desenvolvimento mais significativos e em que um maior número de mães costuma relatar alterações no sono. Provavelmente porque o padrão de sono parecia entrar num ritmo desde que o bebê nasceu, e essa alteração é vista como uma ‘regressão’, na qual o bebê tende a acordar bastante por algumas semanas enquanto está trabalhando no salto. E uma vez que esse salto está completo há somente 1 ou 2 semanas antes de começar a trabalhar no próximo (das 26 semanas), é um longo período de sono ruim e bebê irritado nesse estágio da vida.” (retirado do Guia do Bebê da UOL)

Algumas coisas do texto acima o Biel já faz desde o primeiro mês de vida, acho que o desenvolvimento de cada baby é diferente. Não acho que todos sejam iguais, nem a fase que as coisas acontecem. Mas é legal entender um pouco mais e saber que crescer, se desenvolver causa uma certa angustia na cabecinha deles.

Ah, este mês cortei o cabelo do Biel! Estava grande! Eu mesma cortei, achei que ele ficou ainda mais com rostinho de homenzinho.

Bielcabelocortado_maisju

Esse mês tivemos mais uma consulta com o pediatra, já comecei a tirar dúvidas sobre a ordenha de leite e quanto tenho que mandar para a creche, introdução da mamadeira e outras coisinhas! A consulta foi hoje (18/7) e neste mês Biel cresceu 3 cm e engordou cerca de 600g. Biel está pesando 7,040kg e 63cm.

Share:

Lembrancinha da maternidade

Gestação By 9 de julho de 2013 Tags: , 7 Comments

Como as lembrancinhas estão em suas últimas unidades, me sinto mais a vontade para falar e não estragar a surpresa! hehehe Bem, eu sempre sou a favor de lembrancinhas comestíveis (tipo, SEMPRE!) tanto que no meu casamento eu dei cupcake de presente para os padrinhos e para os convidados coloquei uma mesa farta de doces e uma média de 3 bem-casados por pessoa. Mas como dar lembrancinha comestíveis sem saber a data exata do parto? complicado, né?

Imagina a situação, ligar para o fornecedor quando eu entrasse em trabalho de parto? nem um pouco prático! Sem contar que seria um tanto o quanto arriscado, vai que meu TP é rápido, vai que eu esqueço, vai que não consigo falar com o fornecedor, vai que … um monte de coisas. Não queria correr o risco, por isso pensei em lembrancinhas não-comestíveis e que eu pudesse me organizar com antecedência.

sabonetinho

sachê

Minha mãe me deu de presentes 60 unidades de mini-sabonetinhos da linha Natura mamãe e bebê. A lembrancinha seria só essa, até que eu vi uns sachezinhos lindos no instagram da Mamãe com Estilo e resolvi dar os dois juntos! A Chris, dona da loja e querida amiga, bolou um jeito fofo toda vida! Criou adesivinho, tag, colou, colocou tudo dentro de um saquinho de filó. O resultado? o Cheirinho do Gabriel.

kit_lembrancinha_maternidade_MAISJU

Diferente das lembrancinhas comestíveis que são distribuídas uma (ou mais de uma) por pessoa, esse “kit” foi distribuído um por família. Além disso, ela fez um álcool em gel para deixar na cômoda do Biel com o mesmo cheirinho do sachê  ♥

alcool-em-gel_MAISJU

ps. não ganho nada em divulgar esses produtos, estou apenas compartilhando a lembrancinha que distribui para os amigos e familiares que vieram visitar meu filho  na maternidade e nos primeiros meses de vida!

Share:

Mesaniversário: 3º mês

Bebê | Criança By 1 de julho de 2013 Tags: , , 11 Comments
montagem_tresmeses_maisju

Mesaniversário: três meses

Este é o terceiro nesaniversário do Biel! Já sofro com a separação que vamos ter quando ele completar cinco meses e meio… Bem, isso é papo para outra post!

Biel já gargalha minha gente! É a coisa mais fofa ever! Ele já fica de bruços e levanta a cabecinha e já virou algumas vezes! Ele também descobriu um amor profundo pelas mãos e dedos! Segundo o pediatra é super normal e isso não quer dizer que ele vá chupar dedo e realmente ele não pega um dedo em específico, cada hora é um, quando não tenta colocar as duas mãos juntas na boca! hahah

Mas desde que ele descobriu a mão ficou preguiçoso e quando coloco de bruços ele só quer saber de colocar a mão na boca! hehehe Já possui força para pegar objetos e coordenação motora para levar a boca! Aliás, coloca tudo na boca, brinquedo, mão, dedo, inclusive a minha mão e o meu dedo! hehehe

Biel continua curtindo tomar banho, mas confesso que às vezes ainda dou na pia porque é muito mais prático! Durante os banhos ele começou a abaixar a cabeça e dar umas lambidinhas na água! hahaha sapeca toda vida! aí eu seguro a cabeça dele para não deixar, né? aí ele começa a lamber a minha mão que está molhada com a água! hehehe

Sobre as vacinas, acabei optando por dar no particular para evitar que ele tivesse reações e de fato não teve. Só ficou com o local dolorido e mais choroso no dia. Nada que colo e carinho não resolvesse.

novehoraseonzeminutos

Nesse mês batemos recordes nos soninhos noturnos! Teve uma noite que ele dormiu 9h11 seguidos! E de modo geral, a primeira dormida são cinco a sete horas seguidas. Depois ele acorda para mamar por uns dez minutos e volta a dormir. Fico acordada no máximo por meia hora! Muito bom!

A gente está saindo, indo a festinhas, chá de fralda, shopping e já sai para jantar duas vezes a noite com o maridão! Ah, e já me permiti tomar uma tacinha de vinho depois que ele foi dormir! Não sei se foi coincidência ou não, mas nesta noite eu acordei com o seio doendo e muito cheio de leite! heheh

A consulta de três meses no pediatra foi dia 19/6, Biel cresceu dois centímetros e engordou quase um quilo. Ficando com 60cm e 6,475g de pura gostosura!

Share:

rotina: banho

Bebê | Criança By 27 de maio de 2013 Tags: , , 13 Comments
Banho bebê na pia

Nossa rotina de banho

Como a foto que a Aline fez do banho do Biel suscitou tantas dúvidas, perguntas, resolvi fazer um post para explicar heheh Sim, na foto Biel estava tomando banho na pia! E foi assim o momento banho nos primeiros dois meses de vida dele.

O primeiro banho do Biel na vida, fui eu que dei. Foi aqui em casa na banheira que a avó paterna deu de presente, mas ele não curtiu. Chorou horrores. Achei que tivesse sido o meu mau jeito, tentei novamente no dia seguinte e a mesma coisa.

Até que ele fez um mega côco, daqueles que suja tudo, e eu achei que seria muito difícil limpar tudo com algodãozinho molhado com água. Esquentei a água da pia e lavei o bumbumzinho dele na pia e curiosamente ele amou aquele momento. No dia seguinte, que seria o terceiro banho do Biel, ao invés de tentar a banheira, tentei a pia. E ele AMOU!

Tipo, AMOUMUITO.COM.BR. Tanto que quando ele estava com cólica, eu colocava ele no banho na pia, e ele ficava quietinho, olhando. Se ele estava chorando há muito tempo por qualquer outro motivo, colocava lá ele se acalmava… E por aí vai. Chegou um dia que ele dormiu no banho, acreditam? fofo demais da conta!

E confesso que dar banho na pia é muito pratico! Basta ter aquela tampinha e a mini-banheira fica pronta rapidinho. Tem sabão/ shampoo demais na água? é só esvaziar e encher de novo em menos de dois minutos. Ele soltou um punzinho (sim, isso acontece), basta esvaziar e encher novamente!

Agora ele já ta grande para a pia, ainda cabe… mas desde o dia das mães ele está tomando banho no ofurô!
biel_banho2

Share: